Empreendedorismo digital? O que isso come?

Empreendedorismo digital é o ato de criar um negócio que funcione na internet. Entenda esse cenário e como o ambiente digital pode ser um ótimo espaço para fazer negócios de sucesso.

Com a popularização da internet e o aumento expressivo de seus usuários nos últimos tempos, o espaço virtual passou a não representar apenas um campo informacional, de diversão ou entretenimento, mas também uma possibilidade para negócios e isso cresce exponencialmente.

Um novo cenário para negócios

Dentro desse novo cenário surgiu, então, o empreendedorismo digital. A realidade de empreender na internet, muitas vezes fazendo o próprio horário e trabalhando para si mesmo, com a possibilidade real de um bom retorno financeiro, é o presente e o futuro dos negócios, à medida que o mundo se torna mais tecnologicamente dependente e globalmente conectado.

Além disso, grandes empresas físicas adotaram também as lojas virtuais e grandes negócios, exclusivamente virtuais, são exemplos de empreendedorismo digital, como a Netshoes, o Submarino e a Amazon, empresas que surgiram nesse novo conceito de mercado e têm hoje grande relevância, concorrendo até mesmo com lojas físicas tradicionais.

Surgiram, também, os marketplaces, grandes portais que reúnem vários estoques de grandes e pequenas lojas em um único lugar, como Walmart, Dafiti, Magazine Luíza, etc. A comodidade de comprar pela internet, sem sair de casa, ou mesmo estando em qualquer lugar onde haja acesso à rede, faz com que os negócios virtuais cresçam cada vez mais.

Estudos mostram que até o ano de 2025, cerca de 80% das compras serão feitas online, através de smartphones, tablets e outros eletrônicos, ou seja, as lojas físicas não serão a primeira opção dos brasileiros.

Atualmente calcula-se que sejam 58 milhões de consumidores online, ou seja, cerca de 27% da população brasileira.

O que é empreendedorismo digital?

Pode-se entender o empreendedorismo digital como o desenvolvimento de um modelo de negócios para oferecer um produto ou serviço diferenciado através de um meio digital gerando lucro.

Há várias formas de colocar esse conceito em prática, mas as mais comuns são às duas seguintes: desenvolver um produto/serviço próprio e passar a comercializá-lo na internet, ou vender produtos de terceiros, através de um “blog” ou site.

Nesse último formato, você se torna um afiliado de produtos que você vende. Os critérios de decisão com relação ao que será comercializado (tanto para um afiliado quanto para um desenvolvedor de produto próprio) são fatores determinantes para o sucesso do empreendimento digital.

Alguns exemplos de negócios digitais são: cursos online, e-commerces, blogs, canais do YouTube e soluções tecnológicas, em geral.

Compartilhe este post:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.